Como Solicitar Nossos Serviços



​​

Alteração de carga

Condições básicas para solicitar o serviço

• Estar com as instalações elétricas de acordo com as normas técnicas;
• Não existir débito na Conta Contrato;

Informações necessárias ao solicitar o serviço

• Nome do requerente;
• Número da Conta Contrato da Unidade Consumidora;
• Telefone para contato;
• Pontos de referência da Unidade Consumidora.

Valor do serviço

DIFERENÇA DE MEDIÇÃO
TIPO DE LIGAÇÃO
TENSÃO
LIMITE
VALOR
Monofásico para Bifásico
380/220
Até 08 kW
R$ 147,97
Monofásico para Bifásico
380/220
De 8,1 kW a 15 kW
R$ 92,05
Monofásico para Trifásico
380/220
Até 08 kW
R$ 251,75
Monofásico para Trifásico
380/220
De 8,1 kW a 15 kW
R$ 195,84
Bifásico para Trifásico
380/220
Até 15 kW
R$ 103,78
Bifásico para Trifásico
380/220
De 15,1 kW a 25 kW
R$ 70,24
Monofásico para Bifásico
220/127
Até 5 kW
R$ 147,97
Monofásico para Bifásico
220/127
De 5,1 kW a 10 KW
R$ 92,05
Monofásico para Trifásico
220/127
Até 5 kW
R$ 251,75
Monofásico para Trifásico
220/127
De 5,1 kW a 10 kW
R$ 195,84
Bifásico para Trifásico
220/127
Até 15 kW
R$ 103,78
Bifásico para Trifásico
220/127
De 15,1 kW a 25 kW
R$ 70,24


Obs.: Se houver necessidade de projeto, o orçamento será informado após elaboração do mesmo.

Como solicitar
• Através do site www.coelba.com.br, através do telefone 0800 071 0800 durante 24h, ou nas Lojas Coelba ou credenciados Coelba Serviços que efetuam atendimento.

Alteração de data de vencimento (Data Boa)

Condições básicas para solicitar o serviço
• Em intervalo não inferior a 12 meses do pedido inicial.

Informações necessárias ao solicitar o serviço
• Número da Conta Contrato da Unidade Consumidora.

Valor do serviço
• Não há cobrança de taxa para este serviço.

Como solicitar
• Através do site www.coelba.com.br, através do telefone 0800 071 0800 durante 24h, ou nas Lojas Coelba ou credenciados Coelba Serviços que efetuam atendimento.

Danos elétricos

Condições básicas para solicitar o serviço

• O Cliente tem até 90 (noventa) dias, a contar da data provável da ocorrência do dano elétrico para solicitar o ressarcimento à Coelba.

Informações necessárias ao solicitar o serviço

• Nome do requerente;
• Telefone de contato;
• Número da Conta Contrato da Unidade Consumidora;
• Endereço e dois pontos de referência (no mínimo) da Unidade Consumidora;
• Data e horário da ocorrência;
• Resumo da ocorrência, causa dos danos;
• Objeto danificado, marca, modelo, ano, tempo de uso e valor estimado.

Caso o processo seja deferido o Cliente deverá apresentar a seguinte documentação na Agência:

• Número do CPF ou, na impossibilidade deste, o número do Registro Geral (identidade) ou qualquer documento comprobatório de identificação que contenha foto (ex: número e série da Carteira de Trabalho, número do passaporte, número da carteira de habilitação, número do Conselho Regional da profissão, etc) ou do Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ);
• Nota fiscal do bem reclamado ou outra documentação que venha comprovar sua posse ou propriedade;

Na impossibilidade do atendimento a essas exigências deverá ser fornecida declaração de responsabilidade sobre o bem danificado;

• Orçamentos ou notas fiscais de serviços referentes aos consertos dos bens reclamados.

Resposta ao atendimento

• A Coelba comunicará, por escrito, o resultado do processo (deferido ou indeferido).
No caso do processo ter sido deferido, será informado ao Cliente o valor e o local do recebimento do crédito (agência de atendimento mais próxima).
O Cliente poderá optar pelo crédito em conta corrente. O ressarcimento só poderá ser obtido pelo titular da Conta Contrato ou por representante legal apresentando procuração pública.

Valor do serviço

• Não há cobrança de taxa para este serviço.

Como solicitar

• Através do site www.coelba.com.br, através do telefone 0800 071 0800 durante 24h, ou nas Lojas Coelba ou credenciados Coelba Serviços que efetuam atendimento.

Desligamento de unidade consumidora

Desligamento de Unidade Consumidora x Encerramento da relação contratual.
O encerramento da relação contratual entre a Coelba e o cliente ocorre quando o mesmo solicita este serviço.

Informações necessárias ao solicitar o serviço

• Número da Conta Contrato da Unidade Consumidora;
• Leitura atual do medidor para emissão de fatura final, caso a leitura atual se encontre maior que a leitura faturada na última conta;
• Se a leitura for igual à leitura no sistema, será cobrada taxa mínima da fase;
• Endereço e pontos de referência da Unidade Consumidora;
• Caso não possua leitura, cobrar proporção pela média dos últimos 3 meses.

Valor do serviço

• Não há cobrança de taxa para este serviço.

Como solicitar

• 
Através do site www.coelba.com.br ou nas Lojas Coelba ou credenciados Coelba Serviços que efetuam atendimento.

Entrega de conta em outro endereço

Condições básicas para solicitar o serviço

• O novo endereço tem que ser no Estado da Bahia.

Informações necessárias ao solicitar o serviço

• Nome completo do responsável pelo recebimento da conta;
• Telefone para contato;
• Número das Contas Contrato que você quer alterar;
• Número da Conta Contrato no qual consta o endereço que deseja receber sua(s) conta(s) Coelba;
• Endereço completo, inclusive com o CEP, do local de entrega da conta de energia;
• Complementação do endereço da entrega da conta (ex.: empresa, aptº, em atenção a...).

Valor do serviço

• Para este serviço o valor cobrado é de R$ 1,23 (um real e vinte e três centavos).

Como solicitar

• Através do site www.coelba.com.br, através do telefone 0800 071 0800 durante 24h, ou nas Lojas Coelba ou credenciados Coelba Serviços que efetuam atendimento.

Informação de débitos

Condições básicas para solicitar o serviço

• Não há qualquer condição básica para solicitar informação de débito.

Informações necessárias ao solicitar o serviço

• Número da Conta Contrato da Unidade Consumidora.

Valor do serviço

• Não há cobrança de taxa para este serviço.

Como solicitar

• Através do site www.coelba.com.br, através do telefone 0800 071 0800 durante 24h, ou nas Lojas Coelba ou credenciados Coelba Serviços que efetuam atendimento.

Obs.: Na solicitação feita pela Internet não serão discriminados os serviços.

Internação Domiciliar

O que é esse benefício?

A Internação Domiciliar é um benefício concedido pela Coelba às unidades consumidoras que utilizam equipamentos elétricos de autonomia limitada, indispensável para preservação da vida humana, conforme estabelece o CONVÊNIO CONFAZ/ICMS nº 58/06, de 12/7/2006, o Decreto do Governo do Estado da Bahia nº 10.072, de 15/8/2006, e a Resolução Normativa ANEEL nº 414, de 09 de setembro de 2010 e o Módulo 8 dos Procedimentos de Distribuição de Energia Elétrica no Sistema Elétrico Nacional - PRODIST.

Quais as vantagens desse benefício?

Isenção da cobrança do ICMS, no consumo de energia elétrica, durante o período em que for necessário ser mantido o uso de equipamento elétrico com autonomia limitada destinado à preservação da vida humana na unidade consumidora (Decreto Estadual nº 10.072, de 15/8/2006);

Notificação diferenciada em caso de suspensão do fornecimento por inadimplemento, conforme prazos e casos previstos na regulamentação vigente, condicionada a entrega, pela distribuidora ao consumidor, de notificação escrita, específica e com entrega comprovada

Recebimento de um aviso específico, de forma preferencial e obrigatória, informando a previsão de desligamento programado no fornecimento de energia para realização de manutenção ou melhoramento na rede de distribuição (incluindo data e horário de início e de término), com antecedência mínima de 05 (cinco) dias úteis em relação à data da interrupção;

Prioridade no restabelecimento do fornecimento, quando ocorrer desligamento não programado envolvendo o circuito elétrico que atende à unidade consumidora, uma vez que não se pode assegurar o fornecimento ininterrupto.

Como faço para saber se tenho direito ao benefício?

É necessário que o titular da conta contrato ou um representante legal compareça em um dos postos de atendimento Coelba (Lojas ou Rede Coelba Serviços) para verificar se tem direito ao benefício.

Quais documentos que devo levar?

Ligação de nova unidade consumidora

Será um prazer tê-lo(a) como nosso cliente. Veja abaixo algumas informações úteis e saiba como solicitar a ligação de sua Unidade Consumidora, atendida em baixa tensão.

Condições básicas para solicitar o serviço

• Estar com as instalações elétricas de acordo com as normas técnicas;
• Nos casos de consumidores a serem ligados em alta tensão ou edifícios com quatro ou mais Unidades Consumidoras, será necessário submeter o projeto das instalações elétricas à aprovação da Coelba.

Informações necessárias ao solicitar o serviço

• Nome completo;
• Cadastro de Pessoa Física - CPF;
• Carteira de identidade ou, na ausência desta, outro documento oficial de identificação com foto: Carteira de Identidade Profissional, Carteira de Trabalho - CTPS, Carteira Nacional de Habilitação de Trânsito, Passaporte e o Registro Administrativo de Nascimento Indígena - RANI no caso de indígenas;
• Endereço e pontos de referência da Unidade Consumidora;
• Atividade principal de consumo (residencial, comercial, etc);
• Previsão de carga instalada - eletrodomésticos e/ou máquinas que existirão na Unidade Consumidora;
• Caso o imóvel esteja localizado em área de preservação ambiental, apresentar licença emitida por órgão responsável.

OBS.: Quando inexistir rede de distribuição em frente à Unidade Consumidora a ser ligada ou a rede necessitar de manutenção ou ampliação ou o fornecimento de energia depender de construção de ramal subterrâneo, considerar-se-á estes casos como condições atípicas e os prazos de atendimento poderão ser os seguintes:

Unidade Comercial

• Cópia do estatuto ou contrato social da empresa;
• Cópia do Contrato de Sucessão Comercial;
• Cópia do CNPJ da empresa;
• Cópia da Inscrição Municipal/Estadual (se houver);
• Cópia da ata ou outro documento de designação do representante legal;
• Cópia do CPF do representante legal;
• Cópia do documento oficial de identificação do representante legal;
• Endereço e pontos de referência da Unidade Consumidora;
• Atividade principal de consumo (residencial, comercial, etc);
• Previsão de carga instalada - eletrodomésticos e/ou máquinas que existirão na Unidade Consumidora;

• Caso o imóvel esteja localizado em área de preservação ambiental, apresentar licença emitida por órgão responsável.

OBS.: Quando inexistir rede de distribuição em frente à Unidade Consumidora a ser ligada ou a rede necessitar de manutenção ou ampliação ou o fornecimento de energia depender de construção de ramal subterrâneo, considerar-se-á estes casos como condições atípicas e os prazos de atendimento poderão ser os seguintes:

• Ligação em tensão secundária - Baixa tensão (380/220V): 30 (trinta) dias úteis, contados da data de aprovação das instalações;
• Ligação em tensão primária - Alta tensão (13.800V): 45 (quarenta e cinco) dias úteis, contados da data de aprovação das instalações;
• Esses prazos terão como objetivo elaborar os estudos, orçamentos e projetos e informar por escrito o prazo para conclusão das obras de distribuição, bem como a eventual necessidade de participação financeira.

Valor do serviço

• Não há cobrança de taxa para esse serviço, na primeira visita.

Como solicitar 
• As ligações residenciais podem ser solicitadas também através do site www.coelba.com.br. As demais podem ser solicitadas nas Lojas Coelba ou credenciados Coelba Serviços que efetuam atendimento.

Ligação de microgeração ou minigeração de energia – Sistema de compensação de energia

Condições básicas para solicitar o serviço

  • Estar com as instalações elétricas de acordo com as normas técnicas;
  • Submeter o projeto das instalações elétricas à aprovação da Coelba;
  • Será classificado como Microgeração as Centrais de energia elétrica com potência instalada igual ou inferior a 75 kW e como Minigeração as Centrais de energia elétrica com potência instalada superior a 75 kW e menor ou igual a 3MW para fontes hídricas ou menor ou igual a 5MW para cogeração qualificada, conforme regulação da ANEEL, ou para demais fontes renováveis de energia elétrica.
    • ​​​Segundo o Art. 2º da Resolução Normativa nº 687/2015, que abrange os termos do inciso LX, art. 2º da Resolução Normativa nº 414, de 9 de setembro de 2010, a potência instalada da microgeração ou minigeração fica limitada à potência instalada. Nas unidades consumidora do grupo B, o limite é a resultante da multiplicação da capacidade nominal de condução de corrente elétrica do dispositivo de proteção geral da unidade consumidora pela tensão nominal, observado o fator específico referente ao número de fases, expressa em quilovolt-ampère (kVA). Nas unidades consumidora do grupo A, fica limitada à demanda contratada, expressa em quilowatts (kW). Caso deseje instalar microgeração ou minigeração distribuída com potência superior a disponibilizada atual, deve-se solicitar previamente a alteração de carga ou de demanda para que seja compatível com o valor desejado de geração. 

    Informações necessárias ao solicitar o serviço

     

    • Formulário de solicitação de acesso para Microgeração Distribuída, conforme Anexo I da Norma de Conexão de Microgeradores, caso necessário;

    • Formulário específico de Informações Básica por tipo de fonte geradora, conforme Anexo I da Norma de Conexão de Minigeradores,caso necessário;

    • Carta de solicitação de acesso;

    • Projeto das instalações de conexão, incluindo memorial descritivo,  localização, arranjo físico e diagramas;

    • ART (Anotação de Responsabilidade Técnica) de projeto do Sistema de Geração Distribuída (A atividade Técnica deverá ser “PROJETO / GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA / SISTEMA DE GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA” e a unidade da quantidade deverá ser "kW");

    • Lista contendo as Unidades Participantes do Sistema de Compensação de Energia, conforme Anexo IV da Norma de Conexão de Microgeradores e Anexo III da Norma de Conexão de Minigeradores;

    • ​Dados necessários ao registro da central geradora conforme disponível no site da ANEEL que são:

    Quantidade de Módulos;

    Fabricante dos Módulos;

    Potência dos Módulos (kWp);

    Quantidade de Inversores;

    Fabricante do Inversor;

    Potência dos inversores (kWp);

    Área dos arranjos (m²).

     

    • Caso o titular da instalação seja Pessoa Jurídica: Cartão CNPJ e Contrato social ou estatuto social da empresa; RG/CPF do responsável legal (titular ou representante legal devidamente autorizado); Procuração, caso seja necessário;

    • Carta de Autorização do responsável legal para o projetista, devidamente assinada;

    • O Formulário de Informações Básicas, O Formulário de solicitação de acesso, a Carta de solicitação de acesso, o Formulário de Registro, o Projeto das instalações de conexão (incluindo memorial descritivo e diagramas), e a ART deverão estar assinadas pelo responsável técnico e pelo responsável legal;

    • Todos os documentos necessários deverão ser apresentados por meio digital. Isto significa que a entrega de toda documentação necessária, incluindo memorial descritivo e plantas do projeto, deverá ser feita à concessionária por meio de um CD, para cada solicitação, a ser entregue nas Agências da Coelba, Coelba Serviços ou ao consultor Clientes Corporativos (CCO). Orientamos que o projeto deva ser dividido em três arquivos na extensão pdf. Os arquivos devem estar legíveis com os desenhos na escala adequada de forma a possibilitar a visualização e análise. Os arquivos devem ser nomeados da seguinte forma:


    Arquivo 01: Documentação:

    Arquivo 02: Memorial:

    Arquivo 03: Plantas:

     

    Valor do serviço
    • Não há cobrança de taxa para este serviço.
    OBS.: Os custos referentes à adequação do sistema de medição, necessário para implantar o sistema de compensação de energia elétrica, são de responsabilidade do interessado.


    Como solicitar

    Prioritariamente através do Departamento de Clientes Corporativos, Edifício Sede da Coelba, ou das Lojas Coelba.

    Para saber mais

     

    Reclamações

    A Coelba tem como meta atingir o padrão de excelência no atendimento a seus clientes. Para melhor atender as suas expectativas, sugira onde devemos melhorar em nosso atendimento.

    Como reclamar?

    • Através do site www.coelba.com.br, através do telefone 0800 071 0800 durante 24h, ou nas Lojas Coelba ou credenciados Coelba Serviços que efetuam atendimento.

    Religação

    Condições básicas para solicitar o serviço

    • Não existir débito na Conta Contrato;
    • Estar com as instalações elétricas de acordo com as normas técnicas.

    OBS.: A comprovação da quitação com a Coelba poderá ser feita no momento da religação, através da apresentação dos comprovantes; se no momento da religação não houver ninguém no imóvel, por motivo de segurança, o disjuntor geral do quadro de medição ficará desligado (aberto).

    Informações necessárias ao solicitar o serviço

    • Nome completo;
    • Número da Conta Contrato da Unidade Consumidora;
    • Endereço e pontos de referência da Unidade Consumidora.

    Como solicitar
    • ​Através do site www.coelba.com.br, através do telefone 0800 071 0800 durante 24h, ou nas Lojas Coelba ou credenciados Coelba Serviços que efetuam atendimento.

    Segunda Via de conta

    Condições básicas para solicitar o serviço
    • Não há qualquer condição para solicitar a segunda via da conta.

    Informações necessárias ao solicitar o serviço
    • Número da Conta Contrato da Unidade Consumidora e mês de referência.

    Valor do Serviço
    • Não há de taxa cobrança para este serviço solicitado pela internet e nos credenciados Coelba Serviços, nas Lojas Coelba é cobrada a taxa de R$ 2,65 (dois reais e sessenta e cinco centavos) para Grupo B e R$ 5,33 (cinco reais e trinta e tres centavos) para Grupo A.

    Como solicitar
    • Através do site www.coelba.com.br, nas Lojas Coelba, ou credenciados Coelba Serviços que efetuam atendimento.

    Segunda Via da Declaração de Quitação Anual de Débitos

    Condições básicas para solicitar o serviço
    • Não existir débitos na Coelba.

    Informações necessárias ao solicitar o serviço
    • Nome do responsável;
    • Endereço completo;
    • Telefone para contato;
    • Número da Conta Contrato da Unidade Consumidora;
    • Período inicial e final da Declaração;
    • Motivo da Declaração.

    Valor do Serviço:
    Grupo B - R$ 2,65 (dois reais e sessenta e cinco centavos); 
    Grupo A - R$ 5,33 (cinco reais e trinta e três centavos).

    Como solicitar
    • Através do site www.coelba.com.br.

    Troca de Titularidade

     
    Condições básicas para solicitar o serviço
    • A Unidade não deve ter débito de: consumo, parcelamento, serviços e irregularidades;
    • O cliente solicitante não deve possuir débito com a Coelba;
    • Informar ao atendente a leitura que consta no medidor no dia da solicitação.
     
    Informações necessárias ao solicitar o serviço
     

    E indispensável que o novo titular apresente os documentos originais relacionados à identificação e cadastro, de pessoa física ou jurídica, respectivamente:

    a) Pessoa física:

    Cadastro de Pessoa Física - CPF;

    Carteira de identidade (RG) ou, na ausência desta, outro documento oficial de identificação com foto: Carteira de Identidade Profissional, Carteira de Trabalho - CTPS, Carteira Nacional de Habilitação de

    Trânsito e Passaporte.

    b) Pessoa jurídica:

    Cópia do estatuto ou contrato social da empresa;

    Cópia do Contrato de Sucessão Comercial;

    Cópia do CNPJ da empresa;

    Cópia da ata ou outro documento de designação do representante legal;

    Cópia do CPF do representante legal;

    Cópia da Carteira de Identidade (RG) ou de outro documento oficial de identificação com foto do representante legal.

    Independentemente da existência de débitos vinculados à unidade consumidora, é indispensável a apresentação, pelo solicitante da baixa/ativação, de algum documento que comprove a propriedade ou locação do imóvel:

    Escritura pública de propriedade do imóvel;

    Contrato de compra e venda;

    Contrato de locação;

    Certidão de averbação do imóvel no cadastro da Prefeitura em nome do adquirente;

    Comprovação do pagamento do IPTU ou comprovação do pagamento do ITR (para zona rural) em nome do adquirente;

    O proprietário de imóvel alugado só pode solicitar a ativação de contrato em nome do inquilino se tiver procuração com poderes específicos para tal fim.

    O inquilino não precisa de procuração para requerer a baixa do contrato em nome do proprietário do imóvel alugado quando solicitar a ativação de contrato em seu nome. Basta apenas a apresentação do contrato de locação do imóvel​
     
    Valor do serviço

    • Não há cobrança de taxa para este serviço.

    Como solicitar

    • Através do site www.coelba.com.br ou nas Lojas Coelba ou credenciados Coelba Serviços que efetuam atendimento.

    Obs.: Para Poder Público a solicitação deve ser através de ofício e deve ser entregue nas Lojas Coelba ou credenciados Coelba Serviços que fazem atendimento ao Cliente.

    Verificação de nível de tensão a pedido do cliente

    Condições básicas para solicitar o serviço
    • Não existir débito na Conta Contrato;
    • Estar com as instalações elétricas de acordo com as normas técnicas.

    OBS.: A comprovação da quitação com a Coelba poderá ser feita no momento da religação, através da apresentação dos comprovantes; se no momento da religação não houver ninguém no imóvel, por motivo de segurança, o disjuntor geral do quadro de medição ficará desligado (aberto).

    Informações necessárias ao solicitar o serviço
    • Nome completo;
    • Número da Conta Contrato da Unidade Consumidora;
    • Endereço e pontos de referência da Unidade Consumidora.

    Valor do serviço
    • Monofásica Baixa tensão: R$7,10 (sete reais e dez centavos);
    • Bifásica Baixa tensão: R$9,78 (nove reais e setenta e oito centavos);
    • Trifásica Baixa tensão: R$29,38 (vinte e nove reais e trinta e oito centavos);
    • Alta tensão: R$ 89,11 (oitenta e nove reais e onze centavos);

    Preços definidos pela Resolução ANEEL nº 414, de 9/9/2010, e Resolução Homologatória 
    ANEEL 2.064/2016

    Como solicitar
    • 
    Atra​vés do​ site www.coelba.com.br, nas Lojas Coelba ou credenciados Coelba Serviços  ou através do telefone 0800 071 0800 durante 24h​​

    Via para pagamento

    Condições básicas para solicitar o serviço

    • Não há qualquer condição para solicitar a via para pagamento.

    Informações necessárias ao solicitar o serviço

    • Número da Conta Contrato da Unidade Consumidora e mês de referência.

    Formas e prazos para recebimento da Via para pagamento

    • O cliente pode retirar a Via para pagamento de imediato pela Internet;
    • Dirigindo-se a uma das Unidades Coelba Serviços e Totem.

    Valor do Serviço

    • Não há cobrança de taxa para este serviço.

    Como solicitar

    • Atrav​és do site www.coelba.com.br, nas Lojas Coelba ou credenciados Coelba Serviços que efetuam atendimento.

    Vistoria de unidade consumidora

    Condições básicas para solicitar o serviço
    • Não há qualquer condição para solicitar a vistoria na Unidade Consumidora.

    Informações necessárias ao solicitar o serviço
    • Número da Conta Contrato da Unidade Consumidora;
    • Endereço e pontos de referência da Unidade Consumidora;
    • Motivo da solicitação.

    Valor do serviço
    • Monofásica Baixa tensão: R$6,22 (seis reais e vinte e dois centavos);
    • Bifásica Baixa tensão: R$8,90 (oito reais e noventa centavos);
    • Trifásica Baixa tensão: R$17,80 (dezecete reais e oitentae centavos);
    • Média ou Alta tensão: R$53,45 (cinquenta e três reais e quarenta e cinco centavose);
    • ​​​​Preços definidos pela Resolução ANEEL nº 414, de 9/9/2010, e Resolução Homologatória  ANEEL 2.064/2016

    Como solicitar
    • Atra​vés do site www.coelba.com.br, nas Lojas Coelba ou credenciados Coelba Serviços  ou através do telefone 0800 071 0800 durante 24h